Breaking News  
Renda fixa – Primeiros passos para investir Investimentos

Renda fixa – Primeiros passos para investir

Conheça um pouco mais a respeito dos investimentos em renda fixa.

Rafael Lemos
Rafael Lemos

A renda fixa geralmente é o primeiro passo dado por um novo investidor. Isto acontece porque é um investimento que possui regras estipuladas de prazo e remuneração, ou seja, o investidor sabe quando receberá e como será calculado o retorno.

Além das informações prévias recebidas pelo investidor, o FGC também garante boa parte dos investimentos em renda fixa. Por essas razões, a renda fixa é considerada um investimento de baixo risco.

Confira algumas dicas importantes antes de investir:

1- Conheça os tipos de títulos de renda fixa

Os títulos de renda fixa são categorizados em pré-fixados ou pós-fixados. Nos títulos pré-fixados, a rentabilidade final já é conhecida pelo comprador. Já nos pós-fixados, por outro lado, o rendimento será mensurado no final da aplicação.

Isso acontece porque os títulos pós-fixados possuem rendimentos calculados de acordo com a variação de um indexador da economia (Taxa Selic ou IPCA) mais a taxa de rentabilidade pré-definida no momento da compra.

2- Baixo risco, baixo potencial de retorno

Os títulos de renda fixa não são os mais atrativos quando olhamos seus retornos. Isso acontece porque o risco envolvido nestes investimentos é muito baixo. Esta é uma lição dos investimentos – Quanto maior for o risco de um investimento, maior será o potencial de retorno, o oposto também ocorre, quanto menor o risco, menor será o potencial retorno.

De toda forma, investir em títulos de renda fixa é uma excelente maneira de deixar seu dinheiro rendendo (mais que a poupança) e não se expôr tanto ao risco.

Entenda como funciona o Tesouro Direto

3- Conheça as opções de renda fixa

Existem diversas opções de títulos de renda fixa. Dentre os mais famosos estão:

É muito importante conhecer muito bem como funciona o título que você escolher antes de investir seu dinheiro, pois cada um deles possui suas particularidades. Poupança, LCI e LCA, por exemplo, são títulos isentos de IR, diferentemente do CDB. Em compensação, a poupança apresenta rendimentos bem menores em comparação aos demais títulos.

Os títulos de debêntures, por outro lado, já são uma alternativa mais rentável em comparação às demais opções, mas não possuem garantia do FGC, como ocorre com o CDB, TD, LCI, LCA e poupança. Veja o infográfico abaixo para conhecer outros títulos.

títulos de renda fixa
Veja os diversos títulos de renda fixa e suas particularidades.

4- Use a abuse de simuladores e calculadoras de investimentos

Existe uma série de sites/aplicativos que você pode utilizar para decidir qual corretora utilizar e qual título adquirir na hora que for investir em renda fixa. Confira alguns:

Estes aplicativos e sites são ótimos na hora de visualizarmos o retorno de alguns destes títulos e tomarmos a melhor decisão. Espero que este post tenha lhe ajudado com algumas dicas a respeito de investimentos em renda fixa.

Se você tem interesse em mais conteúdos sobre investimentos, assine nossa newsletter e fique de olho nas redes sociais do Cointimes – Facebook, Twitter.

Rafael Lemos
Rafael Lemos

Estudante de Economia, com grande interesse por finanças. Dedico boa parte do meu tempo a projetos relacionados à Criptoeconomia. Atualmente trabalho na Foxbit, na produção de conteúdo.

O Cointimes utiliza cookies com o objetivo de melhorar sua experiência em nossa página web e adaptar o conteúdo para torná-lo mais útil e acessível. Para mais informações, consulte a nossa política de cookies.