Já discutimos aqui sobre a opção de comprar ouro ou bitcoin, a resposta foi clara: sem “ou”, por que não os dois? No último mês, os movimentos gráficos de ambos ativos foram bem parecidos, isto é, para o infinito e além. O gráfico de cima é o do Ouro e o de baixo é o Bitcoin. Coincidência?

bitcoin e ouro

Apesar de parecer coincidência, ambos ativos passaram a ganhar fôlego com a deterioração da economia internacional, especialmente depois que o acordo entre Estados Unidos e China falhou.

Muitas casas de análise esperavam que as duas potências chegassem a um acordo para dar fim à guerra comercial, o que não aconteceu. Tem também a relação dos Estados Unidos e Irã se desgastando, com o governo iraniano abatendo um drone do exército americano.

O Ouro serve como um ativo de proteção. Quando os investidores acreditam em recessão ou desaceleração econômica, eles partem para o Ouro, que se valoriza nessa movimentação. Ao que parece, o Bitcoin também está tirando uma “casquinha” da situação.

Enquanto o Ouro subiu mais de 8% nos últimos 30 dias, o Bitcoin apresentou uma valorização de 21% no mesmo período. Quem escolheu os dois ativos como os principais da carteira, certamente deve estar bem feliz.

Apesar de o momento ser favorável, é preciso lembrar que o Bitcoin possui alta volatilidade, portanto, apresentando um risco maior. A volatilidade anual dele foi de 63%. Um gráfico abaixo demonstra a volatilidade das duas moedas. Em vermelho o Bitcoin, em amarelo, Ouro.

bitcoin e ouro

Quer entender mais sobre Bitcoin, seus ciclos, principais indicadores e como se comportar nesse mercado? Confira nosso relatório, que é o mais completo do mercado. Clique aqui.