Enquanto o bitcoin (BTC) e a maioria das criptomoedas estão no vermelho, a memecoin Shiba Inu sobe dois dígitos na manhã de quarta-feira (22).

Depois de recuperar um pouco das suas perdas, o BTC recuou 2,2% para pouco mais de US$ 20 mil, levando a maioria do mercado a estar no vermelho também. Porém, Shiba Inu, Leo Token, Uniswap e algumas outras exceções estão subindo.

Bitcoin cai para US$ 20 mil

Após o massacre da semana passada, que culminou em uma mínima de 18 meses a US$17.500 no domingo de manhã, o bitcoin começou a recuperar alguns ganhos.

Ele saltou dessa linha muito rapidamente e desafiou US$ 20.000 menos de um dia depois. Por fim, o bitcoin quebrou acima desse importante nível de preço e continuou subindo. Como resultado, a BTC se viu ontem de olho em 22 mil dólares.

Passfolio

Entretanto, os touros falharam naquele ponto e começaram a gradualmente perder espaço para os ursos, resultando em uma queda para US$ 20 mil. A partir de agora, o ativo tem conseguido se manter acima desse nível e é negociado a US$ 20.472 no momento da escrita desta matéria.

Sua capitalização de mercado, no entanto, caiu para US$ 390 bilhões e sua dominância sobre as altcoins caiu para 41%. A dominância líquida, por sua vez, que leva em consideração o volume de negociações, se mantém em 64,5%, de acordo com dados do Coingolive.

gráfico: BTC/USD
Gráfico semanal do bitcoin em relação ao dólar (BTC/USD). Fonte: CoinMarketCap.

Notícias relevantes para o preço do Bitcoin

Bitfarms, uma das maiores mineradoras de criptomoedas, teve que vender 3.000 BTC e ajustar sua estratégia de HODL em meio à queda do mercado em andamento.

Gareth Soloway, que previu a ascensão e queda da BTC no ano passado, disse que o ativo ainda não está fora de perigo e pode cair para US$ 10.000 nas próximas semanas.

Com o bitcoin perdendo quase metade da sua cotação em pouco mais de uma semana (de US$ 31 mil para US$ 17 mil), o número de buscas por “bitcoin dead” (morte do Bitcoin, em português) no Google dispara para máximas.

SHIB lidera alta das alts

A maioria das altcoins tem seguido o BTC na queda nas últimas 24 horas. O Ethereum está novamente entre os maiores perdedores após um declínio diário de 4,2%. Consequentemente, o ETH está de volta abaixo de US$ 1.100.

Cardano, Solana e Polkadot caíram em porcentagens semelhantes. Como resultado, ADA está muito abaixo de US$ 0,47, SOL está a US$ 35, e DOT está a $7,5.

Em contraste, Shiba Inu e LEO dispararam em uma escala de 24 horas. A moeda inspirada na dogecoin decolou quase 13% em um dia e atualmente está a US$ 0,00001. A LEO, token da Bitfinex, por outro lado, está por volta de US$ 5,7 depois de um aumento de 5,3%.

A Uniswap (UNI) está subindo 11,4%, em uma das altas mais relevantes do dia, após o projeto adquirir o agregador de marketplaces de NFTs Genie.

No geral, as criptomoedas perderam cerca de 30 bilhões de dólares em um dia e a capitalização de mercado diminuiu para 939 bilhões de dólares.

coingolive
Dados das principais criptomoedas por capitalização de mercado. Fonte: CoinGoLive.

Mais notícias recentes e relevantes:

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br