• Uma das maiores pirâmides financeiras do mundo, MMM, foi em parte responsável por financiar as invasões na Ucrânia;
  • O ucraniano Denis Pushilin, apoiador de Putin, está por trás do ressurgimento da MMM;

Denis Pushilin, conhecido como Dan, é um chefe de Estado que contribuiu para a guerra na Ucrânia com um esquema de pirâmide financeira.

Nascido em Makiivka, na Ucrânia, Pushilin se tornou um apoiador de Vladimir Putin e foi líder da República Popular de Donetsk (RPD) em 2014. Apesar de ser considerado um movimento separatista, a finalidade da RPD é se juntar à “Grande Rússia”.

Avançando para dezembro de 2021, Dan tornou-se membro do maior partido político da Rússia e viu Donetsk, junto a Luhansk, sendo reconhecido por Putin como território independente pouco antes do início desta guerra na Ucrânia.

Uma das maiores pirâmides financeiras do mundo e a guerra na Ucrânia

O que poucos sabem é que o relativo sucesso de Dan se deu muito por conta do seu envolvimento com a MMM, uma pirâmide financeira russa que recentemente voltou à tona utilizando a narrativa de “investimento em criptomoedas” como isca para atrair vítimas.

A MMM é uma pirâmide antiga que lesou até 40 milhões de pessoas em até US$ 10 bilhões nos anos 90 e ruiu em 1994. Inacreditavelmente, ela ressurgiu em 2011, quando Pushilin reviveu o negócio insustentável para levantar dinheiro para seus objetivos políticos.

Denis "Dan" Pushilin abrindo o primeiro escritório da MMM de Simferopol, na Crimea, em fevereiro de 2014.
Denis “Dan” Pushilin abrindo o primeiro escritório da MMM de Simferopol, na Crimea, em fevereiro de 2014.

Mensagens entre Denis e seu parceiro Aleksandr Serov, que foram interceptadas por hackers do Exército Cibernético da Ucrânia, revelaram as intenções políticas dos dois com o esquema ponzi.

Os líderes da pirâmide financeira foram bem-sucedidos em espalhar a MMM pela Rússia e Ucrânia, mas talvez o maior feito tenha sido enganar os guardas nacionais estacionados na capital da Ucrânia.

Dentre as mensagens vazadas entre os políticos pró-Putin, estava a finalidade de vender o golpe para os ucranianos:

“A Ucrânia financiaria indiretamente o DNR”, escreveu Pushilin.

O jornal EuroMaidenPress detalhou em 2015 como a MMM foi peça fundamental para angariar fundos e ajudar os planos expansionistas da Rússia. Os efeitos do plano nefasto de Pushilin continuam, já que a pirâmide foi uma peça fundamental no financiamento do governo russo.

A pirâmide foi criada em 1989 por Sergey Mavrodi, um idealizador e membro da Duma Estatal do Império Russo, e se espalhou pelo mundo.

Sergey Mavrodi
Sergey Mavrodi

O esquema fraudulento chegou até mesmo no Brasil em 2015 seguindo a cartilha de sempre, “lucros garantidos” de 50% ou mais ao mês. Sem saber, as vítimas estavam financiando interesses estatais.

O ponzi só foi acabar de fato em 2018, quando Mavrodi morreu e os líderes restantes alegaram que iriam fechar os sistemas, sem devolver os valores dos “investidores”, claro.

Veja também:

A NovaDAX está cheia de novidades!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil agora ZEROU as taxas para saque em real!

A NovaDAX também conta taxa zero para transações de Bitcoin e mais de 110 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.