Não há momento melhor para desenterrar os comentários dos velhos críticos do Bitcoin que um dia de alta histórica.

Um fenômeno visto no Brasil e no mundo é de que pessoas jovens são mais propensas a adotar novas tecnologias com mais facilidade. Falamos mais sobre isso no podcast “Geração Cripto e as tendências demográficas do Bitcoin“, vale a pena ouvir.

No Bitcoin, essa noção foi reforçada por estatísticas conforme um relatório do JP Morgan revelou que os “mais velhos investem em ouro, enquanto os jovens compram BTC​“.

Aliás, o boomer CEO do JP Morgan, Jamie Dimon, é um conhecido crítico do Bitcoin que chegou até mesmo a chamar a criptomoeda de golpe antes de se arrepender e ofertar fundo de bitcoin para clientes (mesmo recomendando não comprar).

Mas não precisamos ir longe para encontrar velhos de espírito criticando o bitcoin com argumentos fracos, eles estão por toda parte no Brasil comemorando as quedas do BTC e chamando a moeda de bolha durante as subidas.

Na intenção de criar um compilado de “velhos brigando com o bitcoin”, surgiu a conta @velhosbitcoin no Twitter, de autoria desconhecida. Enquanto aproveita a alta do bitcoin, você pode checar os melhores exemplos abaixo:

Os gestores de fundos que não precisam do Bitcoin

Fundo Versa e Bitcoin, qual o melhor?
Falou o gestor de fundo que está no prejuízo.
Henrique Bredda e o Bitcoin, "pra que complicar?"
Apesar de achar complicado, o Bitcoin ‘manteu’ seu crescimento.
Fernando Luiz e o BITCOIN
Bitcoin já vale mais de 1,2 trilhão de dólares, o próximo passo é dominar o mundo.
Sérgio Machado sobre o "Bitmico"
Esqueceu a data de aniversário do Bitcoin, faz parte.

A bolha infinita e o maior entendedor de bolhas do Brasil

O maior entendedor de bolhas do Brasil (talvez do mundo)
Obrigado, Tiago!
Luiz sobre bitcoin e sua valorização hiperbólica
Tiago Reis sobre cripto moedas
“Acabou. Boa sorte. Não tenho o que dizer, são só palavras… Tudo que eu sinto, não mudará.”
Peter Lynchado sobre investimento
André Perfeito sobre bolha
Perfeito, André!
samy dana sobre bitcoin
Faltou skin in the game para criticar o bitcoin.

Vale lembrar que as pessoas podem, a qualquer momento, mudar de opinião e entender tecnologias novas independente da idade ou qualquer outra característica.

O diálogo, assim como a brincadeira, são ferramentas para a construção de um mercado financeiro mais plural. Por isso, queremos abrir o diálogo para que esses grandes influenciadores entendam mais sobre o bitcoin, antes de criticá-lo sem bases.

Somos contra o hate e à favor da liberdade de expressão. Não incentivamos que os leitores façam ataques diretos aos perfis acima.

A opinião da página humorística @velhosbitcoin, fonte para a maioria dos prints acima, é a seguinte:

Veja também:

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br