Passfolio

Após grande recuo no preço das ações da Tesla neste ano, o UBS diz que o futuro do fabricante de veículos elétricos parece mais positivo do que nunca.

Seguindo os passos de Cathie Wood da Ark Invest, o UBS disse que esse é o momento “de dar as caras,” e comprou ações da Tesla (TSLA). A empresa reiterou sua meta de preço de $1.100 por ação, o que implica em 51,6% de aumento em relação ao preço de fechamento de quarta-feira.

Um analista do UBS, Patrick Hummel, disse em uma nota de pesquisa que espera “que a integração vertical da Tesla em semicondutores, software e bateria resulte em crescimento absoluto superior, bem como rentabilidade nos próximos anos,” dando à empresa uma perspectiva operacional mais forte.

O recuo da Tesla oferece um “ponto de entrada atraente,” segundo o UBS, com ações sendo negociadas perto dos mínimos históricos, com base no preço de venda.

Passfolio

O UBS também está otimista sobre a dinâmica operacional da empresa automotiva, com um alto acúmulo de pedidos e duas novas fábricas, na Alemanha e no Texas. 

“O mercado ainda subestima o quanto a Tesla terá sucesso em termos de crescimento e lucratividade,” disse Hummel. Além disso, o UBS declarou não se preocupar com as intenções de Elon Musk de cortar 10% dos funcionários assalariados, dizendo que estes planos “não mudam as perspectivas a longo prazo, em nossa opinião.”

Se desejar fazer como o UBS e Cathie Wood e investir na Tesla, a Passfolio oferece essa e outras 6 mil ações listadas na Nasdaq e Bolsa de Valores de Nova Iorque, crie sua conta hoje mesmo.

Leia mais:

Passfolio