Neste artigo apresentamos uma análise fundamentalista utilizando um caso real de uso da criptomoeda Nano (XNO), comparando com outras moedas no mercado e sua respectiva capitalização de mercado para ajudar a responder a pergunta: Vale a pena comprar Nano?

A decisão da compra depende apenas de você e não deveria estar baseada em apenas algumas informações.

Vamos trazer alguns dados interessantes que podem ajudar nessa decisão, mas cada um deve fazer sua própria pesquisa e tirar suas próprias conclusões.

Saiba mais: Nano pode estar se preparando para entrar em mercado trilionário de Forex e Remessas

O que é Nano e quais seus fundamentos?

Vamos falar sobre análise fundamentalista e alguns pontos que precisam ser avaliados.

Entre eles pode-se observar posicionamento no mercado, dados financeiros, comparação com possíveis concorrentes (diretos e indiretos) e se o ativo está vinculado a um produto que soluciona problemas reais no mundo.

Entender quais as promessas, os objetivos que o projeto pretende cumprir e as demandas que o produto pretende resolver.

Nano é, resumidamente, um dinheiro digital peer-to-peer e global.

Como dinheiro, seu objetivo é ser utilizado como meio de troca da forma mais eficiente possível, resolvendo alguns problemas e demandas que existem no sistema monetário atual.



Saiba mais: Em entrevista, George Coxon fala sobre potencial da Nano como dinheiro digital

Se o protocolo nano consegue ser um bom dinheiro, melhor que seus concorrentes, ele tem bons fundamentos. Como em qualquer mercado.

Para definir se algo é ou não um bom dinheiro, muitas características poderiam ser analisadas.

Neste artigo vamos focar em apenas uma, analisando um caso real: Sua capacidade de ser utilizado como meio de pagamento global, sem fronteiras e com o menor custo possível.

Atualização do caso Pool2Miners; 100 dias comprando nano

No dia 24 de novembro de 2021 explicamos sobre o caso da 2miners, que continua realizando pagamentos aos seus mineradores com a criptomoeda nano.

Saiba mais sobre o caso: Pool de mineração revoluciona forma de pagar mineradores economizando R$ 55 milhões em taxas; entenda

Ontem, no dia 19 de janeiro, completou 100 dias desde que estes pagamentos tiveram início e temos a atualização de alguns números interessantes.

Na época, cerca de 9.000 mineradores estavam recebendo o pagamento em nano diariamente. Hoje o número já supera 13.000 pagamentos diários, demonstrando um aumento na procura dessa solução.

Em 100 dias, Ӿ3.339.180,30 (3,34 milhões) de XNO foram compradas pela Pool e repassadas aos mineradores de ethereum, resultando em aproximadamente US$ 13.809.773,00 (13,81 milhões) de USD. Com um preço médio de US$ 4,14 por cada unidade de nano.

Estas quantias foram movimentadas em 895.478 transações, com uma média de 8.955 transações por dia.

Como medida comparativa, a BitPay – uma das maiores processadoras de pagamento em criptomoeda, possui uma média de 2.186 transações diárias. 4 vezes menos do que apenas uma única empresa vem fazendo com nano.

Comparando nano com outras moedas em eficiência de custo

Existe um motivo pelo qual cada vez mais mineradores decidem receber suas recompensas de mineração em nano e existe um motivo pelo qual a pool2miners decidiu oferecer essa opção e vem crescendo muito (a pool) em um mercado tão competitivo.

Pagar e receber em nano é lucrativo para ambas as partes, pois diminui os custos relacionados às transações – além de otimizar o modelo de pagamento com menor latência e uma velocidade muito maior, melhorando a liquidez e minimizando riscos relacionados à volatilidade. Quanto antes se recebe o pagamento, mais rápido é possível realizar seu valor, ficando menos exposto à mudanças de preço.

Saiba mais: Estudo da Visa revela aumento na demanda por pagamentos mais rápidos

Com base nos dados destes 100 dias de pagamentos em nano, montamos uma tabela comparando quanto teria sido gasto em taxas em outras moedas – ou outros sistemas – caso o mesmo número de transações e o mesmo valor em dólar tivessem sido realizados através destas alternativas.

E no final da tabela, fazemos uma simulação de quanto seria a cotação no par XNO/USD, caso a nano tivesse a mesma capitalização de mercado de cada um dos comparativos, com a porcentagem de valorização sobre o preço atual (US$ 2,95).

Como a nano já tem todas as unidades em circulação e é absolutamente não-inflacionária, a avaliação não sofre interferência negativa do tempo.

tabela com análise fundamentalista e números informados no artigo.

Estes seriam os gastos com taxas de rede caso as quase 900 mil transações tivessem sido realizadas em:

  • Bitcoin (BTC): US$ 2,29 milhões (16,58% do total movimentado)
  • Ethereum (ETH): US$ 34,04 milhões (3x mais que o total movimentado)
  • Real brasileiro (BRL) com PIX: US$ 0,00
  • Dogecoin (DOGE): US$ 232 mil (1,66% do total)
  • Litecoin (LTC): US$ 21,50 mil (0,15% do total)
  • PagSeguro (PAGS34): US$ 551 mil (3,99% do total)
  • Nano (XNO): US$ 0,00

Este seria o preço unitário da nano, caso ela possuísse a capitalização de mercado que cada um dos concorrentes “gastões”.

  • BTC: US$ 5.990,16 (+202.831,26%)
  • ETH: US$ 2.815,16 (+95.270,61%)
  • BRL: US$ 441,11 (+14.843,67%) *dinheiro em circulação
  • DOGE: US$ 163,97 (+5.454,81%)
  • LTC: US$ 71,93 (+2.336,85%)
  • PAGS34: US$ 51,86 (+1.656,82%)

Vale a pena comprar nano?

O custo envolvido em transações não é o único fator que deve ser levado em conta para definir se vale a pena comprar nano ou se ela deveria ocupar a mesma posição de qualquer um dos ativos acima.

Ethereum, por exemplo, está focado em resolver outros problemas, que não o de ser um dinheiro peer-to-peer.

Bitcoin, por exemplo, tem outras características positivas que mantém sua liderança no mercado.

Mesmo que o PIX ofereça transações rápidas e gratuitas ele não pode ser transferido globalmente sem complicações, além de ser baseado em um dinheiro altamente inflacionado e controlado por políticas monetárias nocivas.

Saiba mais: Descubra de quanto é a inflação real da moeda brasileira; e como isso nos afeta

Mas a comparação é interessante e, quando comparamos a quantidade de dinheiro que pode ser economizado, aumentando diretamente o lucro de qualquer um que escolha usar nano, com a diferença em porcentagem entre o que é gasto com a XNO, podemos ter mais informações relevantes para tirar conclusões bem fundamentadas.

Então, o que acha? Vale a pena comprar e investir em nano? Deixe seu comentário abaixo do post.

Os dados utilizados neste artigo foram coletados de:

Leia mais:

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br