Embora o preço do Bitcoin possa estar passando por um período de consolidação no momento, os fundamentos da rede estão mais fortes do que nunca.

De fato, a taxa de hash atualmente é quase sete vezes maior do que era quando o preço mais alto de todos os tempos do BTC foi atingido em dezembro de 2017.

Leia também:
++ Volume de negociações P2P de Bitcoin atingem recorde histórico na Venezuela e Argentina
++ 5 erros que te impedem de ganhar dinheiro
++ Ganhando criptomoedas de graça com faucets

O Bitcoin já amadureceu muito

Como apontado em um tweet do trader conhecido apenas como Rhythm, e encerrando o ano ontem, a taxa de hash atualmente protegendo a rede Bitcoin é quase 7 vezes maior do que era durante a alta histórica de todos os tempos do preço do BTC.

Em dezembro de 2019, enquanto o preço chegava a US$ 20 mil, a taxa de hash também aumentava para impressionantes 14,6 EH/s (ou 14.600.000 tera hashes por segundo).

No entanto, nos últimos dias, a rede Bitcoin viu a taxa de hash flutuar em torno da marca de 95 exa hashes por segundo (ou 95.000.000 TH/s).

A alta histórica é mais alta ainda

O aumento da taxa de hash esfriou um pouco nos últimos meses. Ao longo do ano, ele mostrou um crescimento constante para cerca de 40 EH/s, após uma ligeira queda no final de 2018.

O hashrate ultrapassou 100 EH/s pela primeira vez em setembro de 2019 e parecia pronto para 120 EH/s em outubro.

Qual a relação do hashrate com a cotação do Bitcoin?

Conforme demonstrado no título deste mesmo artigo, o preço do BTC nem sempre segue diretamente a taxa de hash, embora algumas correlações sejam frequentemente vistas.

Quedas no preço do Bitcoin geralmente podem levar a uma redução na taxa de hash, à medida que a lucratividade da mineração cai e alguns mineradores preferem desligar as máquinas.

Alguns, no entanto, acham que a desistência, tanto por investidores quanto por mineradores, é um estágio necessário para se livrar de mãos fracas, em preparação para uma corrida mais forte.

Alterações na taxa de hash disponível também afetam diretamente os ajustes de dificuldade, para manter a taxa de um novo bloco aproximadamente a cada dez minutos.

Alguns analistas até olham para padrões no ajuste da dificuldade do Bitcoin para prever futuros movimentos de preços.