• Usuários relatam problema no Itaú nesta quinta-feira (03/03/22), com serviços fora do ar e sumiço de dinheiro.
  • Descubra como eu consegui proteger parte do meu salário durante este novo “caso isolado”.

Sabe aquela história de “felicidade de pobre dura pouco”?

Pois é, a minha não chegou a durar um dia sequer e vou contar para vocês o que aconteceu com este pobre entusiasta das criptomoedas (eu) que vem sendo constantemente lembrado da importância da tecnologia para sua (minha) vida – e para o mundo inteiro.

Um trabalho, um salário e um problema no Itaú

Para aqueles que ainda não perceberam, eu trabalho no Cointimes. É um trabalho como qualquer outro (só que melhor). Acordar cedo, trabalhar meio período, almoçar, trabalhar a outra metade do período, elogiar os chefes e os outros profissionais incríveis que trabalham ao meu lado!

Produzir muito, com um sorriso no rosto e o suor na testa, apresentar resultados positivos, colaborar para o crescimento desta empresa sensacional e assistir ao impacto positivo que trazemos para o mercado e, porque não, para o mundo.

E, claro, apesar do dinheiro não ser tudo, ele é quase tudo. Pois trabalhamos arduamente (mas felizes) na expectativa de começar o mês com a conta bancária forrada de dinheiro para pagar as contas, tomar uma gelada com os amigos e fazer aquele aporte cripto mensal seguindo uma estratégia de preço médio (também conhecida como DCA – dollar cost average).

Como dizia Scarface: “Money makes the world go round” (o dinheiro é o que faz o mundo girar).

Recebi o meu suado dinheirinho na manhã de ontem, quarta-feira, 02 de março (um salve para o departamento financeiro, eu amo vocês! <3) e a felicidade foi contagiante.

Mas como eu disse no começo do texto, é aquela velha história de que essa felicidade dura pouco, principalmente quando dependemos de intermediários para realizar a custódia do nosso suor – digo – felicidade – digo – dinheiro.

Mensagem de erro no aplicativo com o problema no itaú

Foi com esta mensagem que eu me deparei hoje, menos de 24 horas depois de receber o dinheiro na conta, quando tentei acessar meus fundos no Banco Itaú.

“Ops! Desculpe-nos. Estamos melhorando nossos serviços. Tente novamente mais tarde”.

Ops!

Mais relatos de problema no Itaú

Eu não fui o único atingido. O problema no Banco Itaú assumiu o trending topics no twitter e diversos usuários relataram estar passando pelo mesmo problema que o pobre redator que vos escreve.

relatos de usuários com problemas no itaú

O site downdetector, que mede sistemas fora do ar, identificou pico de reclamações sobre problemas no Itaú a partir do meio dia desta quinta-feira, e os reports continuam na plataforma.

Gráfico mostrando relatos de problemas no Itaú

Criptomoedas corrigem isso

O que não faltam são exemplos que cada vez mais fortalecem a ideia de que soberania financeira é indispensável para garantir, de uma vez por todas, nossa proteção patrimonial.

E eu não digo apenas dentro da noção de “reserva de valor”, muito propagada no meio cripto, mas realmente de proteger nosso dinheiro e nossa capacidade de usar esse dinheiro quando quisermos. Ele é nosso, afinal.

“Not your keys, not your coins”; ou em uma tradução livre, sem soberania sobre seu dinheiro, o dinheiro não é realmente seu.

Veja só outros exemplos que reforçam este argumento:

Bitcoin continua funcionando

A rede do Bitcoin (BTC) continua funcionando muito bem desde sua criação, tendo ficado “fora do ar” apenas duas vezes na história.

A primeira aconteceu em 15 de agosto de 2010, quando parou de funcionar por cerca de oito horas devido ao que foi chamado Value overflow incident (Incidente de estouro de valor), quando 184 bilhões de bitcoins para 3 contas diferentes foram registrados no bloco 74638.

A segunda vez foi em março de 2013, com uma interrupção de cerca de 6 horas, após uma tentativa de gasto duplo registrada por Gavin Andresen.
Apesar destes dois eventos que podem ser considerados como verdadeiros casos isolados, a rede do Bitcoin se manteve ativa 99,98% do tempo, segundo registrado neste site.

Bitcoin Uptime Tracker 99,9871874%

Eu consegui proteger parte do meu dinheiro recebido ontem

Felizmente, tenho o costume de dolarizar e “criptonizar” meu salário no mesmo dia em que o recebo, aplicando uma estratégia de construção de preço médio, onde compro uma pequena quantidade de dólar (stablecoin) e alguns projetos de criptomoedas – normalmente Nano (XNO) e mais um ou dois interessantes que estou estudando.

Não é muito e nem sempre é com o objetivo de hold, mas com a intenção realmente de proteção não-custodial (aquela conversa de soberania mais acima no texto), onde consigo ter alternativas mais líquidas no caso de problemas como este que aconteceu no Itaú e, definitivamente, não é um caso isolado, nem exclusividade do banco, mas de todo um sistema financeiro que está mudando aos poucos.

Leia mais:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br