A semana passada mostrou a força do Bitcoin, impulsionado pelas boas notícias vindas de fundos do mercado financeiro tradicional e uma possível massificação do Bitcoin com a possibilidade de aprovação dos ETFs em breve.

https://cointimes.com.br/preco-do-bitcoin-pode-disparar-entenda/

Bitcoin – Fundos financeiros de olho nos criptoativos

A semana do Bitcoin foi marcada por uma  forte valorização, de 16%, isso fez com que sua dominância superasse 45%. Esse movimento fez com que as altcoins sofressem desvalorização, uma vez que elas são negociadas em sua grande maioria em relação ao Bitcoin.

Muitas notícias foram destaque, como a opinião do fundador do Digital Currency Group (DCG), de que o preço do Bitcoin chegou no seu fundo e o caminho de agora em diante será de alta. Ele afirma que está claro o interesse de grandes investidores no mercado de criptomoedas, especialmente no Bitcoin. O DCG é controlador da Grayscale, companhia que vem captando uma média de US$ 10 milhões por semana para seus fundos de investimentos destinados a investidores americanos qualificados.

Fatos como esse e o real interesse de gigantes como Blackrock e Fidelity pelo mercado de criptoativos vem puxando o Bitcoin. Ainda temos a posição do G20 em relação às criptomoedas que é positiva, uma vez que foca em assuntos de KYC e Lavagem de dinheiro. Nesta semana temos ainda o vencimento dos contratos futuros de Bitcoin na CME.

Neste momento, é negociado próximo à faixa de US$ 7.780,00, pouco abaixo de uma resistência de preços em US$ 7.800,00. No movimento atual, o Bitcoin segue sendo um ativo obrigatório para portfólios de longo prazo, no curto prazo, no entanto, precisamos ter um pouco mais de cautela ao operar com o criptoativo.

visão de mercado - fundos: gráfico bitcoin/dólar Bitfinex
Bitfinex BTC/USD – No momento, o Bitcoin é negociado pouco abaixo de uma resistência de preços em US$ 7.800,00. O ativo segue sendo obrigatório para portfólios de longo prazo, no curto prazo, no entanto, precisamos ter um pouco mais de cautela ao operar com o criptoativo. 

Ethereum

A semana do Ethereum foi marcada por uma queda de 4%, contrário à forte alta do Bitcoin dos últimos dias. Neste momento é negociado em em torno US$ 455,00, perto de um importante nível de preços em US$ 450,00. Compras nesse nível podem ser feitas, porém é necessário uma boa gestão de riscos, com stops bem posicionados.

A semana do Ethereum foi marcada por dúvidas e questionamento em relação a sua governança, e a polêmica proposta de descongelamento de mais de US$ 230 milhões em Ethers,  moedas que foram “congeladas” devido a uma falha no código de algumas carteiras da empresa Parity, em novembro do ano passado. As críticas à proposta não estão no campo técnico, mas sim no campo da governança, uma vez que uma decisão de poucas pessoas não deveria fazer sentido em uma rede descentralizada.

Já no ponto de vista técnico, evoluções cruciais para a escalabilidade da rede foram realizadas nos projetos Plasma e Sharding, trazendo um pouco de ânimo frente às dúvidas da semana.

visão de mercado - fundos: gráfico Ethereum/dólar Bitfinex
Neste momento é negociado em em torno US$ 455,00, perto de um importante nível de preços em US$ 450,00. Compras nesse nível podem ser feitas, porém é necessário uma boa gestão de riscos, com stops bem posicionados.

Ripple

O XRP é negociado em torno de US$ 0,447, com uma queda de 4% na última semana, depois de superar U$ 0,50 no meio da semana, como falamos em nossa Visão de Mercado da última semana. Vale a pena ficar de olho no token, seu preço retornou a faixa US$ 0,45, achamos que ele pode voltar para os níveis acima de US$ 0,50.

Não houve nenhum fato relevante durante a semana envolvendo o projeto. Somente algumas participações da comunidade e de membros do projeto em eventos ao redor do mundo foram noticiados.

visão de mercado - fundos: gráfico XRP/dólar Bitfinex
Vale a pena ficar de olho no token, seu preço retornou a faixa US$ 0,45, achamos que ele pode voltar para os níveis acima de US$ 0,50.

Bitcoin Cash

Na última semana o Bitcoin Cash apresentou estabilidade, nesse momento é negociado em próximo à US$ 790,00. Durante a semana ele chegou a superar US$ 870,00, porém esse movimento perdeu força. No entanto, se ele voltar a superar US$ 800,00 e com um bom volume, poderemos ter uma oportunidade interessante.

O Bitcoin Cash nao teve nenhuma novidade técnica na semana. Porém o número de transações na rede manteve seu crescimento das últimas semanas, o que é muito interessante e bom para o projeto. Já o hashrate da rede teve uma leve queda.

visão de mercado - fundos: gráfico BitcoinCash/dólar Bitfinex
Bitfinex BCH/USD – Se ele voltar a superar US$ 800,00 e com um bom volume, poderemos ter uma oportunidade interessante.

EOS

Na última semana o projeto operou estável e neste momento ele é cotado em torno de US$ 8,00, no entanto, na terça-feira chegou a superar a faixa de US$ 9,00. Vale a pena ficar de olho no criptoativo, se ele fechar acima de US$ 8,50, isso será um bom sinal de compra.

A equipe do projeto lançou a versão 1.1.0 do EOSIO, as melhorias da versão foram baseadas no feedback da comunidade de desenvolvedores, na fase inicial do protocolo é natural que ajustes precisem ser feitos. Também foi confirmada a realização de um hackathon global do projeto, na Austrália, que dará mais de US$ 1,5 milhões em prêmios. Isso mostra um esforço para a construção de uma comunidade engajada.

visão de mercado - fundos: gráfico EOS/dólar Bitfinex
Bitfinex EOS/USD – Vale a pena ficar de olho no criptoativo, se ele fechar acima de US$ 8,50, isso será um bom sinal de compra.

Litecoin

Já o Litecoin registrou leve alta, de 1%, e é negociado nesse momento em torno de US$ 83,90. Como o preço retornou para a casa dos US$ 80,00, uma compra de Litecoin no nível atual ainda é interessante, porém, é preciso colocar um stop loss em US$ 75,00. O primeiro objetivo de lucro seria em US$ 100,00. Temos uma ótima relação risco/retorno aqui. Aproveite!

Cabe destacar o comunicado de Charlie Lee, sobre a compra da participação no banco alemão WEG, ele afirmou que no futuro o banco poderá ofertar cripto serviços, porém, ele afirmou que qualquer decisão do tipo ainda deverá passar pelo board do banco. Em relação à rede, o volume de transações se manteve estável, porém o hashrate manteve sua leve tendência de baixa.

https://cointimes.com.br/videos/minuto-cointimes-litecoin-compra-banco-augur-e-boa-noticia-para-os-gamers/

Stellar

Na última semana o Stellar apresentou forte alta, de mais de 23%, hoje é negociado em torno de US$ 0,29. Novas compras do ativo só serão interessantes se os US$ 0,31 forém superados.

Duas boas notícias impulsionaram o criptoativo na última semana. A primeira, vindo da gigante IBM, que anunciou a criação de uma Stable Coin lastreada em Dólar, em parceria com a Startup Stronghold e a Stellar Foundation. O grande diferencial deste projeto, é que os valores serão assegurados pelo FDIC, que é uma espécie de Fundo Garantidor de Crédito (FGC) americano. A segunda, foi uma certificação que o projeto recebeu, a Sharia, que permite ao projeto realizar negócios com instituições financeiras que seguem a lei islâmica.

Cardano

Na última semana o projeto Cardano apresentou uma alta de mais de 10%, e hoje é negociado em torno de US$ 0,169, durante a semana chegou a superar US$ 0,19. Para seguir seu movimento de recuperação é importante que se sustente acima de US$ 0,17 nos próximos dias. Seguimos vendo que o projeto está com uma boa relação risco/retorno.

No ótimo relatório técnico semanal, que a equipe do projeto produz, não houve nenhum destaque relevante, basicamente correções e melhorias pontuais foram realizadas. Vale lembrar, que a moeda começou a ser negociada na exchange OKEX, que é uma das maiores do mundo e isso ajudou na alta da última semana.

IOTA

Na última semana a moeda IOTA apresentou queda de 10% e é negociado em torno de US$ 0,96. Durante a semana, chegou a alcançar US$ 1,15, porém teve uma forte queda nos últimos dias. O nível de preço atual é interessante, e julgamos ser um cripto ativo para ficar de olho, pois a relação risco/retorno também é bem interessante hoje.

Em relação ao projeto uma melhoria está sendo implementada, a IOTA Reference Implementation (IRI) 1.5.2, vai corrigir alguns bugs relevantes, que visa reduzir o tempo de confirmação das transações, e reduzir também os problemas de resposta dos nós da rede, que aumentaram nas últimas semanas.

TRON

O projeto TRON seguiu em queda nessa última semana, e apresentou uma desvalorização de 4%, saindo da faixa de US$ 0,035 para US$ 0,033. Durante a semana, o valor da moeda chegou a alcançar US$ 0,044, porém nos últimos dias ela voltou a cair, motivado principalmente pela alta do Bitcoin, o que fez despencar o valor da moeda em relação ao Bitcoin. Os baixos preços atuais podem ser uma boa oportunidade de compra. Além do preço, está previsto para o dia 31, o lançamento da Tron Virtual Machine (TVM) e também um anúncio de um possível projeto secreto.

A equipe da TRON, anunciou que 29 exchanges já fizeram a migração completa, e com isso, depósitos e retiradas dos tokens já podem ser feitos normalmente. A equipe da TronWatch, anunciou que dia 31 deste mês, a TronLink estará no ar. Esse projeto é muito interessante pois é uma um réplica do que a MetaMask faz na rede do Ethereum. A TronLink é uma desktop wallet, integrada com aplicações desenvolvidas na plataforma da TRON, o que é crucial para disseminar o uso da rede, tanto por desenvolvedores quanto para usuários.

Para ficar sempre bem informado com relação ao mercado de criptomoedas, não esqueça de ativar as notificações do Cointimes em seu navegador e seguir nossas redes sociais – TwitterFacebook e Instagram.